Lombalgia: a dor que não é doença, é sintoma


O termo lombalgia significa dor na região lombar, ou seja, na região mais baixa da coluna perto da bacia. Portanto, a lombalgia não é uma doença, mas um sintoma.

As principais causas da lombalgia são: tensões musculares, hérnia de disco, artroses na coluna, alterações significativas na curvatura da coluna... Mais de 90% da população mundial sofre um episódio de dor lombar em algum momento da vida e a lombalgia é a segunda causa mais frequente de procura por tratamento.

O paciente que apresenta lombalgia pode procurar diretamente um fisioterapeuta especializado para realizar o diagnóstico funcional e o tratamento. O diagnóstico e a causa são estabelecidos com uma boa conversa com o paciente e com um exame físico criterioso.

O principal objetivo do tratamento da dor lombar é aliviar a dor, melhorar a habilidade funcional da coluna e prevenir recorrência e cronicidade. Para isso, utiliza-se tratamentos conservadores, como por exemplo a osteopatia e terapia manual.

Gostou deste nosso artigo? Compartilhe esta informação com quem você frequentemente ouve falar de “dor na base das costas” e ajude-o a melhorar sua saúde.

Por Danilo Soares